Gota: você sabe o que causa e como tratar?


Começou a sentir uma dor incômoda nas articulações durante a madrugada e intensa o suficiente para te fazer perder o sono?

PODE SER GOTA! Mas é necessário consultar um reumatologista para o diagnóstico ;)

Conheça um pouco sobre a doença:

SINTOMAS

O primeiro sintoma da gota costuma surgir nos membros inferiores, principalmente no dedão, onde surge inchaço, vermelhidão e calor. Esses sintomas são causados por uma inflação decorrente de altas taxas de ácido úrico no sangue. Além disso é comum que os pacientes se queixem da formação de protuberâncias localizadas nos dedos, cotovelos, joelhos, pés e orelhas (tofos), bem como cólicas renais devido ao depósito de cristais ácido úrico.

QUEM TEM?

A maioria dos portadores são homens adultos - com maior incidência entre 40 e 50 anos e, principalmente em indivíduos com sobrepeso ou obesos, com vida sedentária e usuários de bebidas alcoólicas com frequência. As mulheres raramente desenvolvem gota antes da menopausa e geralmente têm mais de 60 anos de idade quando a desenvolvem.

TRATAMENTO

Não existe uma cura definitiva, mas o tratamento visa diminuir a inflamação e regular os níveis de ácido úrico para prevenir episódios futuros e evitar lesões nas articulações.

Quando a presença de tofos prejudica a função articular, a retirada cirúrgica também pode ser indicada. É importante frisar que gota não é uma doença incapacitante e quando tratada adequadamente não interfere na qualidade de vida. No entanto, sem tratamento, o intervalo entre as crises tende a diminuir e a intensidade a aumentar. O paciente que não se trata pode ter suas articulações deformadas e ainda apresentar depósitos de cristais de monourato de sódio em cartilagens, tendões, articulações e bursas.

Se você já convive com a gota e quer evitar as crises fique de olho nessas dicas:

- Evite consumir frutos do mar, sardinha, miúdos (rim e fígado), excesso de carne vermelha e pele de aves quando os níveis de ácido úrico estiverem altos, isso pode desencadear uma crise. Sob tratamento, esses alimentos podem ser ingeridos sem exagero

- Bebidas alcoólicas também dever ser ingeridas sem exageros quando os níveis de ácido úrico estiverem controlados

- Evite uma dieta hipercalórica, pois leva à obesidade que é um fator de risco para os portadores de gota. Além disso o excesso de peso sobrecarrega as articulações inflamadas

- Beba bastante água!

Procure o tratamento e acompanhamento médico adequado caso haja doenças associadas como hipertensão arterial, diabetes, etc.

Não deixe de fazer o acompanhamento com um médico especialista em reumatologia, como o Dr Fernando Gasparin e Dr Hênio Vanni Filho.

Fonte: Sociedade Brasileira de Reumatologia

#tratamento #reumatologia #gota #saúde

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
©  2018 Todos os direitos reservados à  All Klinic.                                                                                                                                     Desenvolvido por
logo_LOGO ORIGINAL FUNDO ESCURO YBRIDA_e